25 de Outubro

25/10/2019

A pensar no que vou fazer hoje. Estão 4 graus em Edimburgo, sensação térmica 0 graus. O que me lembra que a hora vai mudar este fim-de-semana e, a propósito disso, um fotografo escocês que conheci ontem, e que me fez imenso lembrar o irmão mais velho do meu pai, lamentava o facto de agora serem seis meses de miséria, a anoitecer, no norte da Escócia, às três da tarde. Perguntei se não influenciava o humor dos escoceses. Claro, respondeu.

That’s why we have wiskey.

Com o Kev, o meu guia de Outlander, da Edinburgh Black Cab Tours, que recomendo vivamente. À porta de casa da Geillis. Onde inclusive vive gente… e cuja placa na porta diz: private. Não fosse alguém lembrar-se de entrar por ali a fora à procura de uma poção qualquer…)

*

Muito e muito obrigada a todos pela lembrança e os votos. O afeto e o carinho deixaram-me com o coração quentinho de amor.

Em particular aos que fizeram referência ao Jamie, aos kilts e à Escócia em geral.

Especialmente às minhas companheiras de Outlander, as minhas obsassenachs preferidas. Fizeram me rir e não foi pouco. Seguiremos juntas, firmes e fortes, até ao fim.

Um abraço ainda ao Nuno, pelo que passo a citar: “espero que um dia encontres um guia, também de kilt, mas fisicamente mais distante do Kev e mais próximo do jamie.” Deus te ouça, meu querido.

Love ye all

 

error: Content is protected !!