Humanismo

02/09/2019

A esquerda apropriou-se de todos os valores humanistas e fez deles seus. Não são.

O humanismo não é de ninguém, é de toda a gente.

Valores como empatia, compaixão, solidariedade, acolhimento… Curiosamente, todos eles valores cristãos. E femininos. Mas só os bonzinhos de esquerda os podem brandir. Os católicos são logo acusados de querer fazer caridadezinha. E as mulheres de sentimentalonas manipuladoras.

São valores acima de tudo humanistas

E, por conseguinte, acima da política, da religião, até da cultura. Por serem universais, arquetípicos, até.

Mas parece agora não pode manifestar-se uma opinião com base na ciência e contrária à dos bonzinhos da esquerda, os novos arautos da moral e os maiores policiais do discurso. Opinião essa que, e apesar de baseada em factos e não em achismo, se fosse proferida por um gajo de direita garantir-lhe-ia logo o epíteto de fascista. Ou, no limite, betinho católico.

Parem com isso, com essa manipulação pela emoção.

Ademais, as emoções, como os sentimentos, também não são propriedade da esquerda, os bonzinhos, ou da direita, os maus.

Matriarcal e patriarcal

Também são conceitos dos quais a esquerda e as feminazis se apropriaram. E mal. Tão mal que se tornaram tão ou mais patriarcais do que muitos homens. Estes são conceitos da psicologia. É lá que têm de ser esclarecidos. Não no eu acho que… É da vida de dezenas de terceiros que estamos a falar…

error: Content is protected !!