Sobre a culpa e a inveja

08/11/2019
Há uma cena muito bonita e comovente, até, quer no livro quer na série, quando Jamie está preso em Ardsmuir, juntamente com os seus companheiros de batalha, uns anos depois do massacre de Culloden.
Jamie é convidado por Lord John para jantar uma vez por semana.
É um acordo que o oficial, antecessor de Lord John no cargo, já tinha. Porque Mac Dubh é reconhecido como líder e assim poderia ser um intermediário entre a corte britânica e os presos.
 
Depois desses jantares, quando Jamie volta à cela, relata a refeição. Ao pormenor. Um dos companheiros pede-lhe para falar mais devagar, para conseguir sentir o sabor dos alimentos, do vinho francês e do sherry.
 
Não há ali qualquer tipo de inveja por parte dos outros presos ou de culpa por parte de Jamie. Cada um sabe o seu lugar e está bem na sua pele.
Nos arquétipos isto é claro como água…
Há uma hierarquia que é respeitada. Jamie para além de também ser um oficial, é um homem educado. O único que teria condições para desempenhar o papel. Sem por isso se sentir superior. Há um respeito e consideração mútuos entre ele e os presos. Ele é o líder e por isso tem alguns privilégios que lhe são reconhecidos e devidos. E ninguém reclama os mesmos direitos. Até porque com direitos vêm obrigações, mas parece que essa parte não dá muito jeito…
 
Condições à parte, sinto um pouco isso quando alguns de vós dizem que viajam comigo.
 
Viajei para a Escócia e sempre que viajo faço relatos, muito para não me esquecer das coisas. Mas, no caso desta viagem em particular, é quase um dever. Principalmente as partes referentes a Outlander. Para quem não pode vir. E acima de tudo para as minhas Sassenachs preferidas, que me compreendem como ninguém.
 
Para hoje temos:
Crainsmuir, que obviamente tem outro nome; e a casa da Geillis
O jardim onde Claire vai buscar as ervas para curar o pequeno Baxter e a casa onde ele está;
E o poste onde o miúdo fica preso por uma orelha.

Claire finge que desmaia e Jamie arranca o prego com os dedos sem que o povo percebesse, soltando o miúdo e salvando-lhe a pele :)

No Comments

Leave a Reply

error: Content is protected !!