Traduções de Artigos de Psicologia

7 alertas vermelhos nos relacionamentos*

02/09/2013
Alguns problemas de relacionamento são pequenos mal-entendidos ou facilmente resolvidos pela da comunicação. Mas há outros que fazem soar o alarme, avisando-nos para sairmos do relacionamento a correr:
1. Histórico de maus relacionamentos: os últimos relacionamentos da pessoa com quem está acabaram todos em traição, escândalo e ódio extremo? Este é um sinal definitivo do tipo de comportamento no qual ele/ela é viciado. Se todos os relacionamentos anteriores acabaram de forma feia e inconstante, deve perguntar-se se com o vosso relacionamento será diferente.
2. Apanhou-o a mentir: mentiras de qualquer tipo são um sinal de alarme. Mesmo que sejam mentiras pequenas, é preciso perguntar-se em relação a que mais assuntos ele ou ela não consegue ser honesto.
3. Tipo de comunicação explosivo: se abandona e explode ou perde a mão e se descontrola a cada conflito que surge, é preciso tomar cuidado. Não sobreviverão a nenhum dos obstáculos da vida se nem sequer conseguem conversar sem que haja uma explosão enorme.
4. Não dá valor aos seus interesses: se tudo gira à volta dele e os seus objetivos são constantemente postos de lado, deve questionar seriamente como é que esse relacionamento sobreviverá. Claramente você não é valorizado enquanto igual neste momento e as probabilidades de que venha a ser são inexistentes.
5. Trata mal os outros: se está sempre a bater nos amigos nas costas deles ou a gritar com os pais, você deve decididamente preocupar-se em relação ao que ele/a dirá de si ou como irá tratá-lo/a quando não concordarem em relação a alguma coisa. Se trata os outros como lixo, o que faz com que você ache que consigo vai ser diferente? 
6. Olho errante: há historial de traição? Apanha-o/a frequentemente a olhar de alto a baixo para outras pessoas? Tem conversas via telefone ou e-mail secretas com outras mulheres/homens que tenta esconder de si? Em caso afirmativo, deve ficar alerta e perceber se ele/a valoriza o vosso relacionamento e é fiel.
7. Fá-lo/a sentir-se mal: o seu parceiro deve acrescentar algo, não despedaçá-la. Sente-se melhor ou pior quando passa algum tempo com ele? Se a faz sentir-se mal em relação a si mesma ou se a faz sentir que nunca corresponde às expetativas dele, precisa de se perguntar se quer mesmo ficar com ele.
*Via

You Might Also Like

error: Content is protected !!