Uncategorized

ANDRÉ

22/12/2005

Adoro Andrés em geral, não sei cá porquê. Com tantos Andrés importantes que já passaram na minha vida – só este ano foram 5, entre novos e reciclados, nacionais e estrangeiros – o meu primeiro filho, a tê-lo, vai decididamente chamar-se André. Independentemente do nome e da vontade do pai. Temos pena.

Ainda por cima estou cá desconfiada que são muitos mas tendem a desaparecer da minha vida tão rápido quanto entraram.

You Might Also Like

error: Content is protected !!