Uncategorized

A ERA DAS CAVERNAS

12/09/2005

Ai como esta era das cavernas em que uma mulher tem de viver me irrita… Andamos nós aqui a achar um monte de coisas, a queimar os nossos belos neurónios e a perder o nosso precioso tempo e vai-se a ver e os gajos continuam os mesmos básicos de sempre. Têm medo de nós, medo que a gente se desmorone por ouvir um não… Não somos feitas de porcelana, filhos. Também não passamos 24 horas por dia a pensar quem é o gajo que vamos agarrar para nunca mais o largar. Casar e ter filhos? Não, não pensamos nisso a toda a hora e muito menos é isso que nos move. De quando em vez a coisa também nos apetece, assim, sem grandes compromissos. E quando vos convidamos para beber copos não quer necessariamente dizer que nos vamos enfiar na vossa cama e muito menos que no dia seguinte estamos à espera que vocês nos peçam em casamento. Estamos muito libertinas, caso ainda não se tenham apercebido…

Pois é, é muito bonito isto da independência mas pelos vistos não adianta de grande coisa. Seja para o que for, temos de continuar a fazer o mesmo papel de há 50 anos. OK, ponhamo-nos então na pele da raposa que é perseguida, ai como isto me enerva, credo, mas que perda de tempo tão grande… Dá nos nervos, ai não que não dá. Irrita, porra, e como.

Um amigo meu disse-me este fim-de-semana que a coisa está a mudar. Como há mais mulheres do que homens que agora nós é que nos temos de esforçar. Por acaso não lhe perguntei como tinha sido com a namorada dele porque ela já me tinha dito que teve de fazer o número do ai não sei bem, ai não quero, ai que tu não sei quê e eu não sei que mais.

Deixemo-nos de merdas: os gajos continuam os mesmos. E joguemos. Joguemos, finjamos que não estamos nem aí porque se tivermos de ser nós a “perseguir”, a ligar para ir beber uns copos, 9 em cada dez situações, o grande cretino não está nem estará propriamente na nossa. A coisa não resulta e quem fica fora do controlo são os nossos nervos.

O que me dá verdadeiramente nos nervos é este papel ridículo a que um gajo se presta… Ainda que mereçamos sempre que um gajo arraste um bonde, e muito mais, por nós!

You Might Also Like

  • bonifaceo 13/09/2005 at 13:12

    Sim, eu acho que vocês também têm que ligar, há rapazes que têm certos problemas de confiança… e não é justo que estejam sempre à espera que sejam eles a ligar, às vezes era bom serem elas a fazer o convite. :pp

  • ISA 13/09/2005 at 13:33

    O Greg diz que isso é tanga. De facto, a gente até faz mas vcs desprezam-nos…
    Vá-se lá perceber estes gajos…
    ;-)

  • bonifaceo 13/09/2005 at 22:19

    Desprezam aqueles que têm de mais, que pensam que vos têm na palma da mão… eu não desprezo quem não me despreza a mim…

  • ISA 13/09/2005 at 23:38

    Um gajo que pensa que tem a mulher na palma da mão é uma besta e um inconsciente.Ou então não está na dela. Se ele pode trair ela também pode. Um gajo que está na minha não corre o risco de me perder, a n ser que seja uma besta e torna assim a coisa impossível, eu não aturo bestas o tempo suficiente para que isso aconteça.

  • bonifaceo 14/09/2005 at 00:06

    Assim é que é. Acho que tens razão.

  • error: Content is protected !!