Uncategorized

GREG É NOSSO PASTOR E NADA NOS FALTARÁ – 3

12/09/2005

Vocês andam todas a sair com o mesmo gajo!!!

Pois é, não há duas sem três. Cá vai o último dedicado inteiramente ao Greg. Mas impõe-se, acreditem em mim, o gajo é o maior! Ora vejam lá se não é:

Sim, conheço o gajo com quem andas a sair. É aquele que está tão cansado do trabalho; tão stressado com o projecto em que está a trabalhar. Acabou de sair de um relacionamento horrível e está-lhe a bater com força. O divórcio dos pais assustou-o e tem traumas relacionados com a confiança; neste momento tem de se concentrar na carreira, acabou de comprar casa e a mudança está dar-lhe cabo dos nervos. Assim que acalmar ele deixará a mulher, namorada, o emprego de merda. Credo, ele é tão complicado…

Ele, minha filha, é um homem feito de desculpas. Criadas por ti, querida, que é o pior. No segundo em que deixares de lhe arranjar desculpas, ele desaparecerá da tua vida. Há homens que estão demasiado ocupados ou passaram por coisas tão horríveis que faz com que se torne difícil para eles envolverem-se? Haverá, sim, mas são tão poucos que deveriam ser considerados lendas urbanas. O melhor mesmo é pensar que esses não cruzam o nosso caminho. O melhor é tomarmos consciência que de facto, inacreditavelmente, os homens preferem ser atropelados por elefantes a arder a dizer-te que não estão propriamente na tua.

Foi por isso que eles escreveram o livro e eu me dou a este trabalho todo. Para arrancar as desculpas do armário para que deixem de ser filmes totalmente realizados e produzidos por nós e se tornem exactamente no que são, ou seja: péssimas desculpas.

Lembras-te daquele filme em que a rapariga esperava que o gajo a convidasse para sair e depois arranjava desculpas quando ele não o fazia? Depois dormiu com ele quando estavam os dois a cair de bêbedos e basicamente saiu com ele até sentir que eles praticamente andavam? Depois ele enganou-a mas no fundo ela sabia que se o perdoasse e mantivesse as expectativas baixas e fosse muito querida acabaria por ficar com ele? Ele estava bêbedo que nem dois cachos, um só não chega, no próprio casamento e viveram miseravelmente para o resto da vida mesmo depois de terem estado numa relação insatisfatória de dar dó, construída numa base de merda? Não, pois não? Pois não! Esses filmes não são feitos. Porque o Amor não funciona assim.

As pessoas inspiram-se para fazer coisas notáveis para encontrar e estar com quem amam. Os grandes filmes são feitos disso e qualquer relação que vejas nos filmes e com a qual sonhas, nasce, eu diria, explode, com uma grandiosidade tal que vais ansiar por uma assim. E quanto mais te valorizares mais hipóteses terás de a conseguir.

Portanto: lê as desculpas que se seguem, ri-te, [OK, se não for logo, logo eu compreendo] e depois… põe-as de lado.

Tu mereces!

You Might Also Like

  • bonifaceo 12/09/2005 at 13:45

    Ai rapariga, esta rubrica só tem é um grande mal, os textos são enormes. O Greg parece realmente perceber do assunto, é o maior mesmo.

  • ISA 12/09/2005 at 13:57

    Ó Bonifaceo, tu não me perturbes nesta missão tão importante…

    Mas esse teu contributo é mto relevante: dão-te seca os textos? São grandes demais? Perde-se a pica? Tu avisa, filho, tu avisa que isso assim não pode ser…

    Apesar de achar que os próximos, da saga: Ele não está propriamente na tua, que deve estar por a ía rebentar a qq momento, serão mais pequenos.

    E

  • Zeka 12/09/2005 at 15:10

    Tá fixe Isa!
    Só é pena estes preliminares nunca mais acabarem e eu até gosto disso (começo sempre pelos pés da cama).
    Por isso acho que já tamos todos preparados e podes mandar brasa.

    Só espero que depois faças também a tal rubrica para homens.
    Eu preciso mesmo, nunca percebi as mulheres.
    Por exemplo: o que é que leva uma gaja que não está interessada em mim, a

  • ISA 12/09/2005 at 15:28

    LOLOLOLOL! Adorei o comentário.

    Para já começo por te dizer que fazes mto bem. Os preliminares são muuuuuuuuuuito importantes e têm de durar o tempo qb.

    Quanto aos sonhos (ela n tentou Zeca? era de artista…) se calhae têm a ver com o teu inconsciente. E vê lá se n berras por um nome de outra gaja qq. È a tua morte.

    Beijos.

  • Zeka 12/09/2005 at 15:33

    Boa!
    Reparei agora mesmo que “linkaste” aqui o meu blog!
    Grande ideia, obrigado!

    Bonifaceo, aparece por lá, pra ver se a gente arrebita esse canário duma vez por todas!

  • Zeka 12/09/2005 at 16:15

    Ó Isa!
    E tu achas que eu ía sonhar com uma gaja que tivesse uma pentilheira suficientemente grande pra escrever o meu nome todo?!

    Xiça!

  • ISA 12/09/2005 at 17:54

    Eu cá n sei, filho, há por aí tanto fetiche que eu n sei… Só de pensar no Kapa…

  • bonifaceo 12/09/2005 at 22:54

    Zeca, pode já ser mesmo dela vestir-se/arranjar-se assim, tenho uma amiga que também é assim, mas anda sempre assim, por isso quando saio com ela não penso que fez aquilo por mim. É bem jeitosa, é pena é ser vacoila como eu chamo às “enfeitadoras” de testas, claro.
    ou então fê-lo mesmo por ti.

  • Zeka 13/09/2005 at 03:07

    Bonifaceoooooo! Hú Hú…Ó Bonifaceoooooo! Acorda rapaz!
    Obrigadinho pela explicação, mas não percebeste nada do que eu disse.
    Quando as gajas se produzem todas e mais isto e mais aquilo, como eu descrevi, eu não penso que é pra mim, eu não sou maluco, meu!
    Só fico baralhado quando elas fazem isso pra aparecerem nos MEUS SONHOS, como foi o caso!
    Percebeste agora?!

    Já vi

  • bonifaceo 13/09/2005 at 12:52

    Ó pá, não chames piriquito ao canário… ai, não percebo porque as pessoas estão sempre a trocar, os meus colegas perguntam sempre “então, como estão os piriquitos?”, são canários. Lol, pronto, não faz mal, eu desculpo o engano. Ya, essa dos sonhos… pois, eu também tenho +- o mesmo problema.

  • error: Content is protected !!