Uncategorized

CANSADO DE VIVER

26/04/2005

Nunca como agora a frase lhe soou tão lógica, tão verdadeira, tão assustadoramente certeira. Sente-se, de facto, cansado de tudo e mais alguma coisa. Cansado de não saber como será o dia de amanhã; cansado de ver os dias a passar, todos iguais; cansado de não ter respostas; cansado de as procurar; cansado de esperar; de lutar; de achar que não luta o suficiente; de não ter forças para lutar mais; de não fazer mais; de não saber o que mais pode fazer; de achar que nada faz; de não fazer. Cansado da falta de perspectivas. Cansado de não saber o que fazer consigo e com uma vida que lhe pesa mais do que seria aceitável; cansado de saber que não vale a pena fazer planos porque as coisas acontecem naturalmente; cansado do “naturalmente” que não há meio de chegar; cansado de nada fazer para que chegue; cansado de se sentir culpado por nada fazer; cansado da inércia, cansado da falta de estímulo que acabe com a inércia. Cansado de desilusões. Cansado de se iludir. Cansado de si. Até à alma.

You Might Also Like

  • Pedra Pomes 26/04/2005 at 08:30

    Cansado de se sentir cansado? o desencanto também cansa! beijocas

  • ISA 26/04/2005 at 14:04

    E como…

  • Teresa 26/04/2005 at 16:19

    Como eu compreendo este post… infelizmente. :(

  • André Toscano 27/04/2005 at 00:15

    Ok, vamos lá a ver uma coisa ou duas…
    Há quem goste de rotinas e da segurança que a falta de surpresas proporciona (provavelmente pessoas que sempre foram surpreendidas pela negativa).
    Há quem goste de movimento perpétuo e de nunca parar no mesmo pouso.
    E há aquelas pessoas (a minha categoria) que gostam de conjugar alguma rotina com uma dose saudável (às vezes pouco saudável) de

  • ISA 27/04/2005 at 00:29

    Te garanto filho que de masoquista não tenho nadinha. Que no fundo, no fundo somos todos iguaizinhos também já descobri há muito tempo e que as crises são cíclicas e for the good, idem. A não ser que as resolva e para isso é preciso saber como. E aí, fodeu, a propósito de chamar as coisas pelos nomes… Obrigadinha à mesma e continua por aí. [Que eu no que se refere à ciência é mais letras…]

  • Tyler D 27/04/2005 at 00:54

    é hora… agora… :)

  • error: Content is protected !!