Uncategorized

ODEIO O INVERNO

18/11/2003

E ainda estamos no Outono… Os dias começam a ficar mais pequenos e eu começo a deprimir-me. Em vez de haver dias de sol em Outubro, como era dantes, não! Está um frio que não se aguenta e uma chuva que irrita qualquer um. E depois é este céu cinzento, completamente! Nem é daqueles que tem uma luz amarela, que dá uma certa cor. É completamente cinzento. Mesmo para a depressão.

Não fosse a agitação da cidade e todos os dias parecem Domingos, reconhecidamente o dia mais estúpido e inútil da semana.

Odeio tudo no Inverno! Os dias mal se vêem, para começar. As caras das pessoas não são brancas nem transparentes. São VERDES!!!

Não gosto da roupa de Inverno; não gosto do frio e muito menos da chuva… Então esta chuva enervante de hoje, que nem sequer é molha parvos, é muito mais do que isso e alterna com chuvadas monumentais, que me fazem entrar no carro e gritar:

EU ODEIO O INVERNO!

O facto de o senhor do carro do lado olhar para mim com ar de quem pergunta: “tem a certeza de que não quer ir para o hospital? O Santa Maria é mesmo ali ao lado!” Parece-me totalmente irrelevante neste momento.

Estou completamente encharcada! Tenho 2 guarda-chuvas no porta-bagagem do carro e não uso nenhum. Eles até são giros mas irrita-me andar de guarda-chuva. Uma vez até perdi um de propósito, quando era adolescente e não fazia propriamente o que me apetecia…

E estava de blusão de ganga… A chover, como choveu hoje!!! Mas é porque não gosto MESMO do Inverno. Irritam-me as camisolas de lã e as meias grossas; – collants com calças só se estiver a morrer… – os casacos enormes e disformes e as botas pesadonas ou incómodas, por causa dos saltos.

Vêm logo as dores de garganta e as constipações, o que é nojento! É só vírus carregadinhos de doenças no ar… E os vidros do carro, sempre embaciados? Não se pode fumar nem abrir as janelas. Não pode haver pior sensação!!! Devo dizer que durmo de janela aberta o ano inteiro. Portanto, o não poder abrir a janela não é de todo do meu agrado!!! É que nem uma nesga. Porque nos entra logo toda a água que poderia entrar, seja da chuva ou de um anormal de um apressadinho, que voou por cima de uma poça de água e nos deixou encharcados. E nós somos tão estúpidos que em vez de fecharmos a janela, não?, seria o mais lógico… Não! Encolhemo-nos! Pode ser que entre menos água!!!

E as luvas??? Não consigo! Cachecóis e camisolas de gola alta ainda vá que não vá. Que remédio tenho eu, não posso deixar de proteger a minha rica garganta deste frio HORRÍVEL!!! Mas depois é a lã que pica… Uma chatice!

Ainda por cima, com a mania que somos um país mediterrânico, tínhamos o péssimo hábito de não construir as casas com aquecimento central. E depois damos por nós de casaco de penas dentro de casa…

Só de pensar em sítios onde tenho de usar BARRETE!!! Fico doente.

Não admira que na Suécia se suicidem aos mil. 6 meses de Inverno, quem é que aguenta???

E não é que há sítios onde é Verão o ano inteiro, nomeadamente AGORA, e eu continuo aqui.

Das coisas mais lindas que já vi foi uma trovoada na praia, em que os relâmpagos rebentavam no mar!!!

You Might Also Like

error: Content is protected !!