Uncategorized

A sindrome do harém

22/02/2009

Não percebo qual é a destes gajos que, não querendo nada de especial com outra pessoa, a abraçam e tocam como se não houvesse amanhã. E depois nós é que somos as loucas que vemos coisas onde elas não existem. E depois fogem. E voltam a fazer o mesmo, à mesma, não sei quantos meses depois. E fazem isto com mais umas quantas, é a síndrome do harém. E depois admiram-se…

You Might Also Like

error: Content is protected !!