Uncategorized

Como identificar se está numa relação abusiva*

13/05/2013

É crucial para a sua segurança saber estes sinais de alarme:

· Culpa-o pela sua fúria (Nota: há uma diferença entre ter um mau dia e ser constantemente acusado de chatear o outro.)

· Vê-se como vítima indefesa, sem sentido de responsabilidade algum

· É dependente de alguma substância ou vício.

· Tem problemas em gerir sentimentos intensos, tipo fúria ou raiva.

· Tem uma história de agressão e reação violenta.

· Ameaça-o a a outros regularmente.

· Insulta-o, rebaixa-o ou chama-lhe nomes.

· Dita a sua vida, o que deve vestir, com quem pode passar tempo, como agir, etc.

· Tenta isolá-lo da família, amigos ou outros que o possam ajudar (por poderem influenciar a forma como vê a relação abusiva).

· Deita fora ou “perde” artigos que são importantes para si quando o aborrece

· Fá-lo duvidar da sua sanidade, por exemplo, tornando coisas triviais em coisas com dimensões desproporcionais, para que acabem em discussões gigantes. (Crê-se que isto é uma forma de controlo da mente.)

· Acusa-o de criar problemas imaginários na relação, só para provocar uma discussão.

· Faz comentários depreciativos e maldosos, e diz, mais tarde, que você imaginou.

· Começa a fazer coisas que não quer, só para evitar que se zangue ou termine o relacionamento.

*Via (Não me lembro se já tinha traduzido e publicado isto aqui no eça, seja como for, nunca, nunca é demais lembrar) Tradução minha

You Might Also Like

error: Content is protected !!