Uncategorized

"Crime e castigo"*

03/06/2011

Quando não temos razão, quando tentamos fugir ao assunto, ao confronto, quando não estamos para admitir os nossos erros tendemos a ridicularizar o outro, a insultá-lo, a diminuí-lo. O outro, se tiver juízo, deixa-se ficar quieto, nós damos perfeitamente conta do recado de nos ridicularizarmos a nós mesmos.

*Roubado ao Dostoievski.

[Republished]

You Might Also Like

error: Content is protected !!