Uncategorized

Dark Shadows

27/06/2012

Caracterização perfeita, de todos os personagens, realização, como sempre, boa, cenários e locações lindos, apesar da parte rochosa do penhasco de onde as miúdas se atiram me parecer meio fake, meio de plástico. Guarda-roupa? Adequadíssimo. Fotografia brilhante, banda sonora, claro, ótima, ou não fosse rock n roll na grande maioria do tempo. À parte disso, é um filme divertido, muito, a cena de sexo do Barnabas e da Angelique é hilariante, por exemplo, e algumas frases do filme. Johnny Depp, um show, como sempre. 
Se um homem pode ser transformado num monstro, um monstro pode ser transformado num homem. Tu vives na escuridão, eu vivo na luz, não temos hipóteses. Tu não queres o meu amor, queres possuir-me. Tu não consegues amar, essa é a tua maldição. Amor é nunca ter de pedir desculpa. É mais fácil lidar com o diferente, afastando-o (ou algo do género). Não, eu não sou bom nem amoroso. O que fazemos agora? O que sempre fizemos, resistimos. E outras, que, lamentavelmente, não me lembro. É por isto que eu gosto tanto do Tim Burton, porque, para além do brilhantismo atrás da câmara, os argumentos são sempre, sempre humanistas, por mais sombrios que possam parecer. E exatamente por isso… 

You Might Also Like

error: Content is protected !!