Uncategorized

Época

07/02/2022

Cada vez gosto mais de filmes e séries de época. Há um simbolismo qualquer que ainda não consegui transcender. Principalmente em séries e filmes britânicos.

Naturalmente, muito mais para Jane Austen do que para Charles Dickens.

Neste momento acompanho duas, na HBO.

No entanto, numa delas, The Great, tem me chocado imenso o palavreado. E mais ainda as traduções do mesmo.

É verdade que o original abusa dos palavrões.

Não sei quem é o argumentista e porque raio põe a corte russa a falar daquela maneira. Com certeza não corresponde à realidade. Seja como for, é o que dá contratarem não tradutores para a tarefa.

A tradução para português é de um baixo nível inacreditável.

Mesmo para mim, que uso e abuso dos palavrões no discurso oral. E não gosto. É um vício de linguagem horrível e pouco criativo.

Escrito consegue ser 100 vezes pior.

E é pena, porque a série é boa, os atores excelentes e os personagens bem construídos, o tema, por me ser longínquo, pouco ou nada conheço da História da Rússia, interessante.

Vejam lá isso.
#TheGreat #HBO

You Might Also Like

error: Content is protected !!