Uncategorized

Hard Feelings

28/06/2013
Estava aqui a pensar nas escolhas que fazemos e no que elas permitem tornar-nos, consequência direta do que aguentamos e não aguentamos na vida. 
A racionalidade pode dar um jeitão, pode ser ótimo ser frio, calculista, orgulhoso, a sensação de poder pode ser ótima, ter razão ser tudo e só o que importa, não estar nem aí para mais nada a não ser levar a nossa avante, ganhar… Podemos até achar que estamos a proteger o nosso coração, os nossos sentimentos. Mas o preço que pagamos por isso é muito alto. Podemos até levar a nossa avante, mas, ainda assim, não nos sentirmos minimamente decentes, e a culpa e o remorso irão consumir-nos mais cedo ou mais tarde. Irão acabar connosco, com tudo o que temos de bom, com a única coisa que, no fundo, vale a pena e importa nesta vida doida.
Estava aqui a pensar que o pior que me podia acontecer era perder a capacidade de empatia, de compaixão. Estava aqui a pensar que o pior que me poderia acontecer era transformar o meu coração numa pedra. Deus me livre, frustração nenhuma, dinheiro nenhum, status nenhum compensa, muito menos substitui, um coração, nem um… Com convicções que mudam todos os dias, esta é a única que se mantém, desde sempre, espero que para sempre… 

You Might Also Like

  • Anita 12/07/2013 at 14:31

    E será que nos apercebemos, se isso acontecer? Se ele virar pedra? É que podemos ir arranjando desculpas pelo caminho e não cair na "reáu"…

    • Isa 12/07/2013 at 15:26

      já me fizeste sorrir :) quando menos esperares descobres que ele nao é de pedra ;) e tb que nao vais querer que ele se transforme numa… besos

    error: Content is protected !!