Uncategorized

#MakeArtNotWar

09/01/2015

Frustrados todos somos. Quem decide os motivos gaysomos nós, mesmo pelos mais fúteis, somos todos, todos frustrados de alguma forma, em alguma área.

Temos duas maneiras de expiar frustração, pela arte/desporto, ou pela violência e a agressão. O Tarantino, se não fossem os filmes, era um psicopata do pior. Graças à escolha que fez, expia os seus demónios na arte, como fazem todos os artistas e desportistas, usam os seus demónios para construir. Depois há os outros, que descarregam os demónios em cima de toda a gente que apanharem pela frente e os deixar, porque a culpa é sempre dos outros, são os auto-destrutivos, os tóxicos.

Porque o que esta gente faz é diminuir os outros para se sentir melhor, lidamos com gente neste estado todos os dias, felizmente não tem licença de porte de arma. Com armas na mão e alucinados dos cornos, matam jornalistas de rajada, ou estudantes, crianças e adolescentes…

No mais, este atentado na redação da revista é claramente um atentado à liberdade de expressão. Esse é um direito conquistado na Europa, garantido, como o é o direito à escolha da fé religiosa, credo e o caneco. Bem sei que são conceitos difíceis de entender em algumas sociedades, mas não é à toa que estamos no velho continente. Aprendam connosco, também já mandámos uma galera pra fogueira, sabemos como é, vocês têm a vantagem de poder arrepiar caminho e passar por cima da violência. É só ver a religião e a fé do lado certo, pertençam elas a que credo for, o lado do amor, tudo o resto é problema da vossa cabeça, terapia resolve.

#JeSuisCharlie

You Might Also Like

error: Content is protected !!