Traduções de Artigos de Psicologia

O que o está a travar nos seus relacionamentos?*

28/05/2013
Há alguma coisa que o impede de avançar ou de ser realmente feliz no seu relacionamento? Está a travar os seus verdadeiros sentimentos ou o seu verdadeiro eu? Aqui ficam alguns dos medos mais comuns que temos e que poderão estar a travar-nos:
· Medo da rejeição: se tem medo de ser rejeitado pelo seu parceiro nunca será capaz de se comprometer totalmente. Estará sempre à espera de ser deixado e não será capaz de confiar totalmente no outro e no que sente por si. Se tem medo da rejeição, já acabou mentalmente com a relação, como mecanismo de proteção. Enquanto se protege, acaba por se travar e permanecerá solteiro para sempre.
· Medo de se magoar: o medo de sair magoado de um relacionamento vem frequentemente de ter sido magoado em relacionamentos anteriores. Por forma a nos protegermos da dor que sentimos ao nos magoarem, damos por nós, frequentemente, a erguer barreiras ou a travar as nossas emoções. Não nos abrirmos completamente para um novo relacionamento, ou não nos permitirmos sentir confortáveis num novo relacionamento, pode travar-nos ao ponto de nunca experienciarmos a verdadeira felicidade.
· Medo de se tornar demasiado próximo: se está a tentar impedir que o seu parceiro se aproxime demais, com medo que ele não goste de quem você realmente é, então é provável que esteja a lidar com questões relacionadas à auto-estima. A baixa auto-estima leva-o a acreditar que os outros não gostarão de si por quem realmente é, assim, mantém o seu parceiro a uma certa distância, para evitar ser magoada. Este medo trava-nos no sentido de deixar que os nossos parceiros nos vejam como somos e afasta a possibilidade de uma ligação mais profunda entre ambos.
· Medo do compromisso: se vê uma relação de compromisso como assustadora, sufocante ou apenas demasiado séria, pode ser que se esteja a travar, para evitar o compromisso. O medo do compromisso resulta de noções pré-concebidas sobre o que significa realmente compromisso. Se se trava em relação a um compromisso, talvez queira pensar o que acredita que irá acontecer, caso se comprometa. Fale com o seu parceiro para que ambos cheguem a uma conclusão sobre o que significa compromisso, para cada um de vós. Isso irá mantê-los fora de consultas de aconselhamento e felizes enquanto casal.
· Medo de se perder: o medo de perder a independência quando se está num relacionamento pode levar a que nos travemos e evitemos aproximar-nos demais dos nossos parceiros. Queremos proteger os nossos interesses e permanecer verdadeiros em relação a nós mesmos, e podemos recear que, ao nos envolvermos demasiado, perderemos a capacidade de sabermos quem somos. Este medo pode travar-nos no sentido de não deixar que os nossos parceiros se aproximem demais e pode impedir-nos de construir relações duradouras.
· Medo do desconhecido: para algumas pessoas, os relacionamentos são assustadores por serem imprevisíveis. Se somos obcecados com controlo, podemos ter medo de nos relacionarmos, por sermos quem controla. Pode dar por si a não se deixar envolver demais, por não querer deixar os seus sentimentos nas mãos de outra pessoa. Tentar controlar tudo pode impedir-nos de desfrutar de um relacionamento verdadeiro e significativo.

*Via (tradução minha)

You Might Also Like

error: Content is protected !!