Robert Kennedy Jr.

19/02/2021
Robert Kennedy Jr. divulga declaração pública sobre o facto de ter sido eliminado do  Instagram*:

“Todas as declarações que publico no Instagram têm por base: fontes obtidas em bases de dados do governo; revisão de pares e confirmação rigorosa de histórias divulgadas.

Nenhuma das minhas publicações contem informação falsa

O Facebook, a indústria farmacêutica, e os reguladores por estes cativos, usam a expressão “desinformação sobre vacinas” como eufemismo para qualquer afirmação factual proveniente de pronunciamentos oficiais sobre vacinas, saúde ou segurança, seja ela verdadeira ou não. Este tipo de censura é contra-producente se o nosso objetivo é um fornecimento de vacinas eficaz e seguro.

A indústria farmacêutica está a criar vacinas à pressa, com dinheiro dos contribuintes e com tecnologia por testar. Que incluem uma série de produtos de risco novos, isentos de responsabilidade, de testagem de segurança a longo prazo, e que não receberam aprovação da FDA.

Autorização de Uso de Emergência é uma experiência científica em massa.

Se tiver qualquer pedido para que seja conduzida, exigirá escrutínio extraordinário da imprensa e do público.

Em vez disso, os gigantes dos meios de comunicação de massas e das redes sociais estão a impor uma censura totalitária para evitar que advogados de saúde pública, como eu, dêem voz a preocupações e se envolvam num debate informado e civil em praça pública.

Estão a punir, envergonhar, vilipendiar, abusar psicologicamente e a abolir indivíduos que relatam danos à sua saúde na sequência de vacinas.

Qualquer um consegue ver que isto é uma receita para a catástrofe e um golpe de estado contra a Primeira Emenda, que fundou a democracia americana.”

Robert Kennedy Jr.

*Tradução do texto da imagem

Professores de medicina de Stanford, Harvard e Oxford viram a sua página de facebook sobre Covid desativada. 

No Comments

Leave a Reply

error: Content is protected !!