Uncategorized

Voar sozinho

28/08/2012

E aí vem um gajo chamado Santiago, o teu nome preferido depois de muitos anos ter sido André, o nome que, inclusive, darias a um filho teu, ao primeiro, se o tivesses, que muda a tua vida. Mas a tua vida só muda quando estás preparado pra isso. E mais, não é que alguém muda a tua vida, esse alguém só vem dar voz a alguma coisa que tu já sabes e não tens como expressar, explorar, melhor dizendo… É esse o papel dos mestres, dar voz a algo que tu inconscientemente já sabes e acreditar nas tuas próprias asas, deixar-te voar sozinho, livre, como qualquer outro pássaro…

Pensando melhor, e revendo conceitos ao mesmo tempo, não é que ele é um mestre, que implica reverência, que implica reconhecer que existe alguém que sabe mais do que tu, que sabe o que é melhor para ti, ele é somente um guia, que te mantém no trilho, no trilho do caminho que tu próprio decidiste traçar, que tu próprio decidiste ser o teu. Na verdade, ele só te orienta, para que não te distraias com as exigências do mundo externo, que apenas o satisfazem a ele, ao mundo externo.

Se sobreviver, prometo vir contar como foi.

You Might Also Like

error: Content is protected !!